História do município de Sirinhaém


Sirinhaém é um município do Nordeste brasileiro e fica no estado de Pernambuco (PE). Está localizado na mesorregião Mata Pernambucana e na microrregião Mata Meridional Pernambucana.

INÍCIO DO POVOAMENTO

O litoral de Pernambuco era habitado por índios do tronco linguístico macro-jê há milhares de anos. Por volta do ano 1000, a região foi conquistada por povos de língua tupi procedentes da Amazônia. Um destes povos, os caetés, ocupavam a região do atual município de Sirinhaém no século XVI, quando os portugueses chegaram à região. Os portugueses escravizaram os caetés e ocuparam suas terras.

A povoação de Sirinhaém, que inicialmente era denominada Vila Formosa de Sirinhaém, data de 1610, quando moradores da região construíram ali uma capela dedicada a São Roque. Entre 1620 e 1621, foi construída uma igreja sob a invocação de Nossa Senhora da Conceição e a vila foi elevada à categoria de freguesia. A criação do município autônomo data de 3 de agosto de 1892.

O povoado nucleou-se às margens do Rio Sirinhaém, a cerca de duas milhas do litoral e possuía um porto. Em 1627, foi elevado à categoria de vila e possuía cerca de 500 habitantes. Nesta época, a região contava com doze a 13 engenhos e uma produção de açúcar relevante e de boa qualidade, que era escoada pelo porto.

INVASÕES HOLANDESAS

Gravura de 1645, do holandês Frans Post, retratando Sirinhaém

Quando os holandeses ocuparam Pernambuco, após dominarem Recife e o Norte, marcharam pelo Sul e chegaram a Sirinhaém em 1632. Neste ano, cerca de 500 soldados e 100 marinheiros holandeses desembarcaram pelo rio Sirinhaém e invadiram, saquearam e queimaram o engenho de Romão Perez. O capitão Mateus Gomes de Lemos e Albuquerque organizou uma resistência com cerca de 60 homens. Os holandeses se retiraram. Com a queda da resistência no norte e em Recife, os holandeses planejavam a conquista do sul de Pernambuco para chegar à Bahia. As tropas luso-brasileiras resistiam a partir de três frentes: cerca de 450 homens compunham a resistência no Arraial (Velho) do Bom Jesus, 600 no Forte de Nazaré e 300 em Sirinhaém. Sirinhaém foi um dos últimos redutos da resistência, que foi derrotada após Maurício de Nassau chegar a Pernambuco e organizar o ataque à vila.

Durante o domínio holandês, Sirinhaém foi um dos quatro distritos nos quais foi dividida a Capitania de Pernambuco: Olinda (a mais importante), Igarassu, Vila Formosa de Sirinhaém e a quarta, que tinha início em Sirinhaém e ia até o Rio São Francisco.

Em 1645, a região foi reconquistada pela Companhia da Restauração comandada pelo capitão Paulo da Cunha Souto Maior, assistido por Vidal de Negreiros.

FORMAÇÃO ADMINISTRATIVA

Distrito criado com a denominação de Formosa, por alvará, de 26 de junho de 1759. Elevado à categoria de vila com a denominação de Formosa, em 1 de julho de 1627, segundo outra fonte a vila foi criada com a denominação de vila Formosa de Sirinhaém, em 19 de dezembro de 1627.[14]

Elevado à condição de cidade e sede do município com a denominação de Sirinhaém, pela lei estadual nº 100, de 12 de junho de 1895. Pela lei municipal de 30 de dezembro de 1907, é criado o distrito de Cucaú e anexado ao município de Sirinhaém. Em divisão administrativa referente ao ano de 1911, o município aparece constituído de 3 distritos: Sirinhaém, Cucaú e Pau Branco. Pela lei estadual nº 1365, de 16 de maio de 1919, o distrito de Cucaú passa a pertencer ao município de Rio Formoso. Pela lei municipal nº 70, de 27 de maio de 1920, é criado o distrito de Barra de Sirinhaém e anexado ao município de Sirinhaém. Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o município é constituído de 3 distritos: Sirinhaém, Barra de Sirinhaém e Pau Branco. Assim permanecendo em divisões territoriais datadas 31 de dezembro 1936 e 31 de dezembro de 1937. Pelo decreto-lei estadual nº 235, de 9 de dezembro de 1938, o município passou a ser grafado Sirinhaém e o distrito de Pau Branco passou a denominar-se Ibiratinga.

No quadro fixado para vigorar no período de 1944 a 1948, o município é constituído de 3 distritos: Sirinhaém ex Sirinhaém, Barra do Sirinhaém ex-Barra e Ibiratinga ex-Pau Branco. Em divisão territorial datada de 1 de julho de 1960, o município é constituído de 3 distritos: Sirinhaém, Barra do Sirinhaém e Ibiratinga.




ÚLTIMAS NOTÍCIAS